PATROCINADORES

Confiança da construção atinge maior nível em quatro anos

A Fundação Getulio Vargas divulgou nesta quarta-feira (26) que o Índice de Confiança da Construção (ICST) subiu 0,8 ponto em dezembro, alcançando 85,5 pontos. O resultado atingiu o maior nível desde dezembro de 2014 (88,8). “A percepção empresarial dominante foi de melhora no ambiente de negócios da construção ao longo de 2018. No entanto, esse movimento não vai se traduzir em um resultado positivo para o PIB do setor. A esperada recuperação foi adiada mais um ano. No ano da ‘despiora’ da construção, o indicador continua abaixo do patamar do final de 2014, o primeiro ano da crise. De todo modo, se não dá para falar de otimismo, é possível notar que as expectativas com a demanda alcançaram o melhor resultado dos últimos quatro anos”, observou Ana Maria Castelo, coordenadora de projetos da construção da FGV IBRE.

Por que é importante

O indicador mostra um cenário de otimismo influenciado tanto pela melhora da situação atual quanto das expectativas para os próximos meses

Quem ganha

A recuperação deve refletir na abertura de novos postos de trabalho

Quem perde

O crescimento do setor no ano, impactado pelas incertezas políticas e econômicas

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × um =

Pergunte para a

Mônica.