PATROCINADORES

Brasileiros mantêm otimismo e optam por compras perto de casa, aponta pesquisa

O consumidor brasileiro se mantém preocupado com as restrições da pandemia, mas está otimista com o futuro, aponta a pesquisa nacional de varejo “Un Locke Covid-19”, elaborada pela consultoria TracyLocke Brasil . O que mudou de imediato foram as compras, com os shoppings e grandes redes trocadas pelos mercados de bairro. Para a Páscoa, uma minoria vai mudar seus hábitos de compra, indica o levantamento. A pesquisa quantitativa, via Painel Mobile, abrangeu 1.034 entrevistas em toda as regiões do Brasil, com gente das classes A, B e C, divididas pelas faixas etárias de 18 a 34 anos e acima de 35 anos, entre os dias 21 e 23 de março. O intervalo de confiança foi de 95%.

O sentimento de “preocupação” foi predominante (41%) no período entre todos os subgrupos, seguido de “medo” (12%). Quando a situação era analisada na perspectiva dos próximos 30 dias – até 22 de abril -, os sentimentos de “preocupação” (35%) e “incerteza” (20%) dominaram. Sobre o futuro, 43% afirmaram que “vai ser difícil, mas vai ficar tudo bem”, enquanto 30% dizem que “vai ser difícil, vai demorar e vai vai acabar bem”. Para 60,8%, o isolamento durará um mês, enquanto 12% acham que pode durar 60 dias ou mais.

Entre os hábitos de consumo, as compras nos shoppings foram deixadas de lado, com 51% optando por trazer produtos de perto de casa. Bens de consumo e semiduráveis estão praticamente esquecidos. O que importa agora são alimentos e remédios. Para os 30 dias seguintes, 38% pretendem sair de casa uma vez para consumir, enquanto outros 24% optaram por ficar. Há um pouco mais de otimismo para com a Páscoa. Entre os pesquisados, 51% vão celebrar (39%) e/ou manter as compras (12%).

“Nosso objetivo com o estudo é entender rapidamente as mudanças no consumo e no comportamento do shopper. A partir dessas leituras, podemos desenhar estratégias 100% direcionadas para esse momento, trazendo informação e insights para o mercado e para os nossos clientes, e ajudando-os a atravessar esse momento histórico”, afirma Thomas Tagliaferro, CEO da TracyLocke Brasil .

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.