PATROCINADORES

Bolsonaro cogita transferir Coaf para o Banco Central

Para evitar disputas políticas, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse nesta sexta-feira (9) que pode tirar o Conselho de Atividades Financeiras (Coaf) do Ministério da Economia e vinculá-lo sob a estrutura do Banco Central. Se a mudança avançar, Bolsonaro indicou que o presidente do BC, Roberto Campos, seria o responsável por escolher o comando do conselho.

“O que nós pretendemos é tirar o Coaf do jogo político”, afirmou.

Por que é importante

O Coaf é o órgão responsável por identificar operações financeiras suspeitas e atua no combate à lavagem de dinheiro

Quem ganha

A autonomia do conselho

Quem perde

Interessados em obter favorecimentos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.