Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

BNDES superfaturou financiamentos de obras no exterior

BNDES superfaturou financiamentos de obras no exterior

Relatório divulgado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) apontou que o BNDES superfaturou US$ 911 milhões em financiamentos a exportações de empresas brasileiras na área de energia. Companhias como Odebrecht, Andrade Gutierrez, OAS e Camargo Corrêa desembolsaram cerca de US$ 570 milhões sem necessidade de comprovação para construir hidrelétricas, linhas de transmissão de energia na Angola, Moçambique, República Dominicana, Costa Rica e Equador. Segundo relatório do TCU, os financiamentos correspondem a 41,7% do total que o BNDES financiou no período – US$ 2,2 bilhões.

Por que é importante
Muito utilizado para financiar obras em outros países durantes os governos do PT, o BNDES passa por uma série de mudanças. Segundo o presidente do banco, Joaquim Levy, a instituição não financiará mais obras no exterior
Quem ganha
O Tribunal de Contas da União
Quem perde
O BNDES

Envie seu comentário