Document
PATROCINADORES

BNDES fecha terceiro trimestre com lucro de R$ 8,7 bilhões

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou na noite de quinta-feira (12) um lucro líquido de R$ 8,73 bilhões no terceiro trimestre do ano. O desempenho positivo foi influenciado pela negociação de participações societárias, que resultaram em ganho líquido de R$ 4,4 bilhões. Somente a alienação de ações da Vale gerou lucro de R$ 4 bilhões. Também contribuíram para os resultados a equivalência patrimonial de empresas coligadas, no total de R$ 1,2 bilhão, e a receita com dividendos e juros sobre capital próprio, que somou R$ 938 milhões. No acumulado de 2020, de janeiro a setembro, o lucro da instituição subiu para R$ 13,7 bilhões. No primeiro trimestre, o BNDES vendeu R$ 7,6 bilhões em ações da Petrobras. Já em outubro, houve a alienação integral dos papéis da Suzano em posse do banco, que movimentou R$ 6,9 bilhões, valor que terá impacto no balanço do quarto trimestre.

Por que é importante

A venda de ações da carteira do BNDES faz parte do plano da atual administração de usar os recursos administrados para priorizar a estruturação de projetos e a indução de investimentos privados

Quem ganha

O caixa do banco, com os desinvestimentos

Quem perde

A política de "campeões nacionais" dos governos petistas, que injetou dinheiro do BNDES em grandes companhias

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.