Document
PATROCINADORES

Bancos públicos terão que devolver R$ 84 bi ao Tesouro

Como plano de reequilíbrio das contas públicas, os bancos estatais Caixa Econômica, Banco do Brasil e BNDES terão que devolver quase R$ 84 bilhões aos cofres públicos do Tesouro. Ainda durante o governo Michel Temer, o BNDES já havia começado a devolver os aportes, que somam mais de R$300 bilhões. Segundo reportagem do jornal O Globo deste domingo (6), a orientação da gestão Bolsonaro é mudar a forma como esses bancos atuaram nos últimos dez anos – serviram para ampliar o crédito às grandes empresas no país. No governo Bolsonaro, os bancos estatais devem abrir o capital, privatizar algumas áreas e se desfazer de negócios não lucrativos.

Por que é importante

Durante os governos petistas, os bancos estatais, sobretudo o BNDES, direcionavam seus recursos e empréstimos mais às grandes empresas do país, como JBS, o que gerava em alguns casos até prejuízos aos cofres públicos

Quem ganha

Os cofres da União. A devolução dos valores deve ter impacto positivo na dívida pública

Quem perde

Os que se opõem às mudanças nos bancos estatais

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.