Document
PATROCINADORES

Banco do Brasil, Caixa e Petrobras não serão privatizados, diz Salim

O secretário especial de Desestatização e Desinvestimento do governo Bolsonaro, Salim Mattar, afirmou nesta terça-feira (29) que o governo federal deverá deixar de fora das privatizações apenas o Banco do Brasil, Caixa Econômica e Petrobras. “Ao longo desses quatro anos (de governo) as estatais irão se desfazer dos seus ativos e ficar um pouco mais magras e mais enxutas”, disse Mattar, indicando que, apesar de públicas, essas estatais terão tamanho reduzido. Segundo o secretário, o BNDESPar, braço financeiro do BNDES no mercado de capitais, deverá ser vendido aos poucos até ser fechado durante o governo Bolsonaro.

Por que é importante

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse no Fórum Econômico Mundial que o governo pretende arrecadar cerca de US$ 20 bilhões em 2019 com as privatizações

Quem ganha

Os cofres da União

Quem perde

Políticos que fazem indicações partidárias nas estatais

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.