PATROCINADORES

Autoridades do Japão garantem que coronavírus não ameaça Olimpíada de Tóquio

O coronavírus não vai afetar a realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, programados para julho e agosto. Pelo menos é isso o que diz Yoshiro Mori, presidente do Comitê Organizador.

“Houve rumores irresponsáveis”, afirmou. “Reitero que o cancelamento ou adiamento dos Jogos não está sendo considerado, nunca foi e nem será.”

Nos últimos dias, Comitês Olímpicos de diversos países questionaram os organizadores dos Jogos sobre a possibilidade de mudança de data. Empurrar o evento para o final do ano é impossível, já que será inverno no Japão. A saída seria realizar as competições em 2021, mas isso causaria bilhões em prejuízos.

Por que é importante

Seria uma catástrofe cancelar os Jogos de Tóquio. A cidade anfitriã desperdiçaria os US$ 12,5 bilhões investidos nos preparativos, as emissoras de TV sofreriam para remanejar suas grades de programação, os patrocinadores perderiam dinheiro e os atletas teriam que rever toda a preparação

Quem ganha

Com a confirmação dos Jogos, o Japão, que espera realizar a Olimpíada mais rentável da história

Quem perde

Os que propagam teorias conspiratórias sobre a gravidade do coronavírus

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.