Document
PATROCINADORES

Ações criativas serão consideradas rompimento do teto, diz Campos Neto

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, afirmou nesta quinta-feira (05) que considerará rompimento do teto de gastos, caso o governo federal encontre qualquer forma “criativa” de gerar despesas correntes futuras – o que motivaria a retirada de sua orientação sobre a manutenção da taxa de juros.

“Qualquer forma criativa de gerar mais gasto corrente e permanente, onde eu veja trajetória de piora da dívida, [mesmo] ficando dentro do teto, também vamos considerar que é um rompimento do equilíbrio”, afirmou Campos Neto.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.