PATROCINADORES

Vale e Petrobras caem e Ibovespa perde os 81.000 pontos

O Ibovespa encerrou em queda na quarta-feira (23), mesmo com a boa notícia no cenário exterior de que o Fed, o banco central americano, não pretende subir os juros no momento. O índice recuou 2,26% aos 80.867 pontos. “Petrobras e Vale foram as principais responsáveis, pois eram ações que estavam mais sólidas durante o período que a bolsa ganhava sustentação, entre 82 e 87 mil pontos”, Raphael Figueredo, analista e sócio da Eleven Financial. “Agora, com os estoques do petróleo acima do esperado queda do minério de ferro de 1%, as ações caem e puxam o Ibovespa para baixo”. Os papéis preferencias da Petrobras e a Vale registram queda de 5,83% e 0,76% respectivamente.

Os bancos devolveram os ganhos de ontem e fecharam em queda: Itaú (1,89%), Bradesco (2,63%), Santander (0,62%) e Banco do Brasil (2,16%). O adiamento da votação da medida provisória da privatização da Eletrobras fez as ações da estatal despencarem (11,47%). Entre as mais negociadas do dia, Ambev também fechou em queda (0,50%).

O dólar caiu pelo terceiro dia consecutivo: 0,56%, cotado a R$ 3,6248.

Por que é importante

A bolsa caiu em quatro dos últimos cinco pregões. Para Figueredo, o índice pode chegar até os 77.000 pontos e, a partir daí, retomar a tendência de alta

Quem ganha

As ações da Marfrig registraram a maior alta do dia (7,59%), cotadas a R$ 8,50

Quem perde

As ações da Eletrobras registraram a maior baixa do dia (11,47%), cotadas a R$ 15,97

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.