Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Vale e Estados Unidos impulsionam Ibovespa. Dólar futuro cai

Vale e Estados Unidos impulsionam Ibovespa. Dólar futuro cai

Depois da queda de terça-feira, o Ibovespa teve um pregão positivo nesta quarta-feira (30) e se aproximou novamente do patamar de 97 mil pontos: alta de 1,42%, aos 96.996 pontos. O índice foi puxado pela alta das ações da Vale, que subiram 9,03% após divulgar um plano para desativar barragens, e pela decisão do banco central dos Estados Unidos de manter a taxa de juros e remover do comunicado sinalizações sobre altas nos próximos meses. O dólar futuro com vencimento em fevereiro caiu 0,95%, negociado a R$ 3,685. Das cinco ações mais negociadas do dia, somente os papeis do Bradesco fecharam em baixa (0,23%). Os demais subiram: preferenciais da Petrobras (0,99%), Itaú (0,63%) e CNS (3,39%), além da Vale.

Por que é importante
A manutenção dos juros nos EUA beneficia mercado de capitais em países em desenvolvimento, como o Brasil. A menor remuneração dos títulos americanos incentiva os investidores a buscar outros mercados para conseguirem retornos maiores, como o brasileiro
Quem ganha
As ações da Vale registraram a maior alta do dia: 9,03%, cotadas a R$ 46,60
Quem perde
As ações da CCR tiveram a maior baixa do dia: 3,32%, cotadas a R$ 15,13

Envie seu comentário

três × dois =