PATROCINADORES

“Realização de lucros” derruba bolsa

O Ibovespa abriu a terça-feira (31) em baixa, recuando 1,54% aos 79.043 pontos às 11h30. Após ter alta acumulada de 10% no mês de julho, o pregão de hoje tem uma “realização de lucros”, ou seja, a venda de ações que se valorizaram rapidamente. No lado negativo, as ações do Itaú caíam 3,70% às 11h30 por conta do balanço divulgado na segunda-feira (30), considerado abaixo do esperado pelos analistas. As ações da Petrobras também são penalizadas durante a manhã, por conta da queda no preço do petróleo em Nova Iorque e Londres. Os papéis preferenciais e ordinários da petroleira recuavam 1,91% e 2,09%, respectivamente. As outras três ações mais negociadas do dia, além das preferenciais da Petrobras e do Itaú, também operam em baixa: Vale (0,09%), Cielo (7,17%) e Bradesco (1,64%). O dólar comercial avança 0,73%, cotado a R$ 3,75 após rumores de que EUA e China iriam se reunir novamente, reduzindo as tensões comerciais entre as duas potências.

Por que é importante

Enquanto não houver maior clareza quanto ao cenário eleitoral e econômico, o Ibovespa deve continuar encontrando dificuldades para se manter acima dos 80 mil pontos

Quem ganha

As ações da Embraer registram a maior alta do dia (1,25%), cotadas a R$ 19,42

Quem perde

As ações da Cielo registram a maior baixa do dia (7,17%), cotadas a R$ 14,76

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + dezenove =