PATROCINADORES

Projeção de “semanas dolorosas” nos EUA derruba bolsas globais

O pessimismo domina os mercados acionários globais nesta quarta-feira (1) com o avanço da pandemia do novo coronavírus nos Estados Unidos e o discurso do presidente Donald Trump de que as próximas semanas serão “muito dolorosas” para o país. Na China, o índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,3%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,57%. O índice Nikkei, de Tóquio, desabou 4,5%. As principais bolsas da Europa operavam em baixa nos primeiros negócios do dia: Londres (-3,3%), Frankfurt (3%), Milão (-2,35%) e Paris (3,1%). Nos Estados Unidos, os índices futuros sinalizavam uma tendência de forte queda no começo da manhã: Dow jones (-3,82%), S&P 500 (-3,55%) e Nasdaq (-3,03%). O EWZ, mais importante ETF do Brasil negociado no exterior, caía 3,99% na pré-abertura do pregão em Nova York.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.