PATROCINADORES

Pacote de estímulos trava nos EUA e derruba bolsas

A falta de acordo no Congresso dos Estados Unidos para a aprovação de um pacote emergencial de US$ 1,3 trilhão pressionava os mercados acionários nesta segunda-feira (23). O aumento de casos e de mortes por conta do coronavírus na Europa também ampliava o pessimismo entre os investidores. As principais bolsas da Ásia, com exceção do Japão, fecharam o dia em queda. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 3,36%. Em Hong Kong, o índice Hang Sengu caiu 4,86%. O índice Kospi, em Seul, teve desvalorização de 5,34%. Só o índice Nikkei, em Tóquio, avançou 2,02%. Na Europa, o índice FTSEEurofirst 300 caía 3,82% e o índice pan-europeu STOXX 600 recuava 3,93%. Os mercados futuros nos Estados Unidos também apontavam queda: S&P 500 (-2,25), Nasdaq (-1,79) e Dow Jones (-2,12). Já o EWZ, principal fundo de índice (ETF) de ações brasileiras negociado em Wall Street, desabava 6,8% no começo da manhã no pré-mercado.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.