Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Ibovespa supera os 105 mil pontos e renova máxima histórica

Ibovespa supera os 105 mil pontos e renova máxima histórica

O Ibovespa encerrou o pregão desta quarta-feira (10) em alta de 1,23%, aos 105.817 pontos, após ter avançado 0,42% na sessão anterior. O dólar comercial caiu 0,99%, fechando o dia cotado a R$ 3,76. A bolsa brasileira renovou sua máxima histórica em um dia importante para o mercado. A Câmara dos Deputados vota hoje o texto-base da reforma da Previdência, que deve ser aprovado em primeiro turno na Casa. A proposta precisa passar por duas rodadas de votação antes de ser encaminhada ao Senado.

Entre as cinco ações mais negociadas da sessão, duas fecharam em alta: Vale (2,32%) e preferenciais da Petrobras (1,52%). Os papeis do Itaú Unibanco (-0,27%), Via Varejo (-0,30%) e Bradesco (-0,46%) recuaram.

Por que é importante
O avanço na reforma da Previdência faz o Ibovespa subir 4,80% no acumulado de julho
Quem ganha
As ações da B2W Digital tiveram a maior alta do dia: 7,51%, cotadas a R$ 39,21
Quem perde
As ações da Suzano tiveram a maior baixa do dia: -3,23%, cotadas a R$ 31,50

Envie seu comentário

dezoito − catorze =