PATROCINADORES

Bolsa sobe pela 3ª semana seguida e se aproxima dos 98 mil pontos

O Ibovespa encerrou o pregão desta sexta-feira (7) em alta de 0,63%, aos 97.821 pontos, após ter avançado 1,26% no dia anterior. O índice subiu 0,82% na primeira semana de junho, mantendo o viés positivo que vem desde maio. O dólar comercial caiu 0,13% na sessão, fechando a semana em queda de 1,2% e cotado a R$ 3,88. A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) na noite de quinta-feira (6), que autorizou a venda de subsidiárias de empresas estatais sem o aval do Congresso e necessidade de licitação, ajudou os ativos brasileiros. Além disso, a desaceleração da inflação em maio reforça a impressão de que o Banco Central pode cortar ainda mais a taxa de juros, que já se encontra na mínima histórica – de 6,5% ao ano. Entre as cinco ações mais negociadas da sessão, três fecharam em alta: preferenciais da Petrobras (1,83%), Itaú Unibanco (1,07%) e Bradesco (0,03%). Os papeis Vale (-0,29%) e Banco do Brasil (-0,81%) recuaram.

Por que é importante

Em uma onda positiva, o Ibovespa volta a se aproximar dos 100 mil pontos, sua máxima histórica

Quem ganha

As ações da Estácio tiveram a maior alta do dia: 7,44%, cotadas a R$ 29,45

Quem perde

As ações da BRF tiveram a maior baixa do dia: -4,56%, cotadas a R$ 26,16

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × três =

Pergunte para a

Mônica.