PATROCINADORES

Ibovespa fecha em queda e se afasta dos 100 mil pontos; dólar cai

O Ibovespa voltou a rondar os 100 mil nesta terça-feira (19), renovando sua máxima histórica no intraday ao alcançar os 100.439 pontos, mas perdeu fôlego durante a tarde e fechou aos 99.588 pontos, em queda de 0,41%. A bolsa brasileira recuou em um dia fraco para os índices americanos, com Dow Jones (-0,10%) e S&P 500 (-0,01%) caindo e Nasdaq (0,12%) subindo. Os investidores seguem à espera de uma quarta-feira (20) movimentada, com reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central no Brasil – a primeira sob o comando do novo presidente, Roberto Campos Neto – e do Federal Reserve (Fed) nos Estados Unidos, além da entrega da proposta de reforma da Previdência dos militares ao Congresso. Entre as cinco ações mais negociadas do pregão, duas registraram alta: preferenciais da Petrobras (1,60%) e Vale (2,85%). Os papeis de Itaú Unibanco (-2,33%), Bradesco (-2,15%) e CSN (-3,80%) caíram. O dólar comercial caiu pela terceira vez seguida (-0,06%), negociado por R$ 3,78.

Por que é importante

Apesar do recuo nesta terça, o Ibovespa acumula alta de 0,46% na semana

Quem ganha

As ações da Gol tiveram a maior alta do dia: 5,41%, cotadas a R$ 30,42

Quem perde

As ações da Rumo tiveram a maior baixa do dia: -4,89%, cotadas a R$ 19,46

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.