PATROCINADORES

Em queda, Bolsa perde os 113 mil pontos; dólar renova máxima

Em um pregão marcado novamente pelo pessimismo, o Ibovespa abriu a semana em baixa. O índice fechou a segunda-feira (10) em queda de 1,05%, aos 112.570 pontos. As atenções seguem voltadas para os impactos econômicos do coronavírus, que no cenário geral derruba o valor de commodities do Brasil, como a soja, o petróleo e o minério de ferro. Entre as cinco ações mais negociadas do dia, subiram: Itaú Unibanco (2,17%) e preferenciais da Petrobras (0,28%). Caíram: ordinárias da Petrobras (0,60%), IRB Brasil RE (-16,01%) e Vale (-3,51%). Já o dólar renovou a máxima nominal de fechamento. A moeda norte-americana teve um leve avanço de 0,06%, cotada a R$ 4,32.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 4 =

Pergunte para a

Mônica.