Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Commodities e front político puxam Ibovespa para baixo. Dólar opera estável

Commodities e front político puxam Ibovespa para baixo. Dólar opera estável

A queda no preço internacional das commodities e as incertezas na política brasileira puxam o Ibovespa para baixo no início desta sexta-feira (23). Às 11h12, o índice registrava queda de 0,89%, aos 86.695 pontos, após leve alta na quinta (22). O recuo das commodities pressiona as ações da Petrobras (-3,10%) e Vale (-3,46%), importantes na composição do Ibovespa. No Brasil, os investidores estão atentos aos ruídos na relação entre Jair Bolsonaro e Rodrigo Maia, presidente da Câmara e figura importante para a aprovação de reformas no Congresso. Já o dólar comercial opera estável, com queda de 0,07%, negociado por R$ 3,80.

Por que é importante
As nomeações de Bolsonaro para a equipe econômica não têm sido suficientes para garantir uma subida consistente do Ibovespa
Quem ganha
As ações ordinárias da Eletrobras registram a maior alta do dia: 2,92%, cotadas a R$ 25,40
Quem perde
As ações da Vale registram a maior baixa do dia: 3,46%, cotadas a R$ 52,17

Envie seu comentário

14 + dez =