PATROCINADORES

Ambiente político derruba bolsa e cria instabilidade

O Ibovespa sofreu uma baixa de 5,45% nesta sexta-feira, atingindo 75.330 pontos. O dólar subiu 2,54%, fechando o dia cotado a R$ 5,66.
As causas foram totalmente políticas. A saída de Sergio Moro e o discurso errático do presidente Bolsonaro no final do dia criaram condições para um novo recorde nominal de fechamento do dólar (sem contar inflação) desde o Plano Real. Foi o terceiro seguido. A moeda americana fechou a semana com alta de 8,25% na semana, a maior desde 2008, durante a crise econômica global. A queda do Ibovespa na semana foi de 4,63%. Das cinco ações mais negociadas, só uma apresentou alta: preferenciais da Petrobras (-5,9%), Vale (0,57%), Banco do Brasil (-13,37%), Itaú Unibanco (-5,31%) e Via Varejo (-13,32%).

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.