PATROCINADORES

Para baratear passagens, governo quer atrair 40 aéreas para o Brasil

O governo federal tem um plano ambicioso para aumentar a concorrência no setor aéreo e baratear o preço das passagens no país. Segundo o Estadão, a meta é atrair 40 companhias estrangeiras para entrar no mercado brasileiro nos próximos anos. Hoje, os voos em território nacional são concentrados em três empresas: Azul, Gol e Latam. O setor vive um momento de perspectivas positivas, principalmente com a agenda do governo de concessões de aeroportos. Além disso, a aprovação da medida provisória que autorizou a participação de até 100% de capital estrangeiro em companhias brasileiras e liberou a cobrança pelo despacho de bagagens facilitou a entrada de aéreas de baixo custo, que operam por enquanto apenas rotas internacionais. Por outro lado, a crise financeira da Avianca Brasil foi um revés significativo no ano e pesou no preço das passagens. A companhia, que entrou em recuperação judicial, tinha 14% do mercado doméstico e em alguns trechos específicos chegava ter a metade.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.