PATROCINADORES

Moro diz que não condicionou ida a governo Bolsonaro a vaga futura no STF

(Reuters) – O juiz federal Sérgio Moro, ministro da Justiça e Segurança Pública indicado pelo presidente eleito Jair Bolsonaro, disse nesta terça-feira que não exigiu uma vaga no Supremo Tribunal Federal no futuro como condição para assumir o cargo.

Moro afirmou a jornalistas em Curitiba que não considera apropriado discutir sobre a vaga no STF agora que não existe uma vaga aberta e que tem grande apreço pelo ministro Celso de Mello, que se aposentará em 2020.

Ele, no entanto, não descartou que essa discussão seja retomada em um novo contexto, quando uma cadeira vagar de fato.

(Por Laís Martins; Edição de Eduardo Simões)

tagreuters.com2018binary_LYNXNPEEA51EW-VIEWIMAGE

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × um =

Pergunte para a

Mônica.