PATROCINADORES

EUA lançam gás lacrimogêneo para conter imigrantes e fecham fronteira com México durante horas

Por Lizbeth Diaz

TIJUANA, México (Reuters) – Autoridades norte-americanas fecharam a passagem de fronteira mais movimentada do país e lançaram gás lacrimogêneo contra o México, no domingo, para conter imigrantes da América Central que se aproximavam da divisa, depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que pessoas em busca de asilo não entrariam facilmente no país.

O tráfego na passagem de San Ysidro, que liga San Diego a Tijuana, foi suspenso nos dois sentidos por diversas horas, disseram autoridades norte-americanas, o que interrompeu o comércio na fronteira terrestre mais movimentada do hemisfério norte.

Posteriormente, a passagem de pedestres e o trânsito de veículos foram retomados.

A tensão na fronteira tem crescido nos últimos dias, com milhares de imigrantes da América Central acampados em um ginásio esportivo em Tijuana. No domingo, a polícia do México dispersou o mais recente de uma série de protestos diários, desencadeando um avanço em direção à fronteira dos Estados Unidos.

Agentes da agência de Alfândega e Proteção da Fronteira dos EUA contiveram os imigrantes com grandes nuvens de gás, à medida que helicópteros dos governos do México e dos Estados Unidos sobrevoavam a área.

O governo mexicano disse ter retomado o controle da passagem de fronteira depois que quase 500 imigrantes tentaram cruzar para os Estados Unidos “de uma maneira violenta”, e se comprometeu a deportar imediatamente cidadãos da América Central que tentarem entrar ilegalmente nos EUA.

(Reportagem adicional de Lucia Mutikani, Doina Chiacu e Julia Harte, em Washington)

tagreuters.com2018binary_LYNXNPEEAP0NT-VIEWIMAGE

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13 − 11 =

Pergunte para a

Mônica.