PATROCINADORES

Economista Castello Branco será presidente da Petrobras no governo Bolsonaro

RIO DE JANEIRO (Reuters) – O economista Roberto Castello Branco aceitou convite da equipe do presidente eleito Jair Bolsonaro para comandar a Petrobras, informou em nota a assessoria do futuro ministro da Economia, Paulo Guedes, nesta segunda-feira.

Ele assumirá a presidência da estatal em substituição a Ivan Monteiro, que chegou a ser cotado para permanecer no comando. No entanto, a petroleira informou em fato relevante que o atual CEO deixará a companhia a partir de 1º de janeiro, sem dar mais detalhes.

O nome de Castello Branco apareceu entre os cotados para presidir a Petrobras ainda em outubro, logo após a vitória de Bolsonaro nas eleições. À época, ele já estava contribuindo com a equipe do novo governo e foi sondado informalmente para o cargo, sem demonstrar interesse imediato pela posição, segundo fontes ouvidas pela Reuters.

Dias depois, o vice-presidente eleito, general Hamilton Mourão, se reuniu com a diretoria da Petrobras em um dos prédios da estatal no Rio de Janeiro e se disse “muito bem impressionado”, o que levantou especulações acerca da continuidade de Monteiro na presidência.

O atual CEO disse no começo do mês não ter recebido convite da equipe de Bolsonaro, mas frisou que estava disposto a conversas.

Castello Branco é doutor em Economia pela Fundação Getulio Vargas e, atualmente, é diretor no Centro de Estudos em Crescimento e Desenvolvimento Econômico da FGV.

“Economista, com pós-doutorado pela Universidade de Chicago e extensa experiência nos setores público e privado, Castello Branco já ocupou cargos de direção no Banco Central e na mineradora Vale, fez parte do Conselho de Administração da Petrobras e desenvolveu projetos de pesquisa na área de petróleo e gás”, informou a nota.

(Por Rodrigo Viga Gaier; reportagem adicional de José Roberto Gomes; edição de Tatiana Ramil e Marta Nogueira)

tagreuters.com2018binary_LYNXNPEEAI0J5-VIEWIMAGE

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + 12 =

Pergunte para a

Mônica.