Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

STF adia julgamento de liberdade de Lula

STF adia julgamento de liberdade de Lula

Após pedido de vista do ministro Gilmar Mendes, o Supremo Tribunal Federal (STF) adiou nesta terça-feira (4) o julgamento do pedido de liberdade da defesa do ex-presidente Lula. Antes do pedido de vista, os ministros Edson Fachin e Cármen Lúcia já haviam votado contra a liberdade do ex-presidente petista e a anulação dos processos de Lula envolvendo a atuação do juiz Sergio Moro. Para a defesa do petista, Moro demonstrou imparcialidade ao aceitar o convite do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), para ser ministro da Justiça, a partir de 2019. Não tem data prevista para o retorno do julgamento no STF.

 

Por que é importante
Preso desde abril deste ano, Lula tenta se livrar de todas as formas da cadeia, após ser condenado na Operação Lava Jato, sob o comando do então juiz Sergio Moro
Quem ganha
A Operação Lava e os ministros Edson Fachin e Cármen Lúcia, que votaram contra o pedido de liberdade de Lula
Quem perde
Lula, que continua preso

Envie seu comentário

1 − um =