PATROCINADORES

Pesquisa aponta as prioridades dos brasileiros em 2020

Um levantamento feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em todas as capitais do país mostra que a melhora da saúde pública (39%) e o combate ao desemprego (39%) são os principais problemas apontados pelos brasileiros a serem enfrentados em 2020 para a retomada do crescimento econômico. Em seguida aparecem investimentos em educação (38%), combate à corrupção (25%), combate à violência (20%) e controle da inflação (18%), além da diminuição de impostos (18%). Conforme a pesquisa, as áreas que mais devem registrar avanços no ano são a criação de vagas de emprego (42% acreditam que irá aumentar), o combate à inflação (35% acreditam que ela irá reduzir) e a diminuição da inadimplência (32% acreditam que irá reduzir). Por outro lado, segundo a percepção dos entrevistados, algumas áreas não devem evoluir, como a melhora da renda e salário, que para 43% seguirão estagnados, e os investimentos em saúde, que para 42% não irão se alterar. O estudo ainda revela que sete em cada dez (68%) pessoas avaliam que a aprovação da reforma da Previdência foi necessária e 32% estão otimistas com o impacto na economia com as mudanças nas regras de aposentadorias. A reforma tributária é indispensável para 66%, sendo que 38% acreditam que ela ira reduzir a burocracia no pagamento de impostos. A maioria dos entrevistados também apoia a abertura ao comércio internacional (60%) e as privatizações e concessões (59%).


Por que é importante

A pesquisa aponta que a taxa de desemprego elevada é uma das maiores preocupações dos brasileiros e um dos maiores desafios do governo para o fortalecer o crescimento do PIB

Quem ganha

A confiança na recuperação da economia

Quem perde

A percepção de que o setor de saúde irá melhorar

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.