Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Mourão vai processar cantor que o acusou de tortura

Mourão vai processar cantor que o acusou de tortura

Vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro (PSL), o general da reserva Hamilton Mourão afirmou nesta terça-feira (23) que vai processar o cantor e compositor Geraldo Azevedo, que o acusou de torturá-lo em 1969, quando o artista foi preso pela Ditadura Militar. O problema é que Mourão só ingressou na Academia Militar das Agulhas Negras em 1972, três anos após a prisão de Azevedo, que foi relatada pelo próprio cantor em um show no último fim de semana. A fake news foi reproduzida por Fernando Haddad, candidato do PT à presidência, nesta terça-feira. O petista chegou a chamar Mourão de “torturador”.

Por que é importante
O caso em questão é um bom exemplo de como as fake news se propagam
Quem ganha
Mourão, que conseguiu desmentir a história contada pelo artista
Quem perde
Haddad, que vinha atacando as fake news espalhadas em prol de Bolsonaro

Envie seu comentário