Document
PATROCINADORES

Maia diz que Guedes proibiu equipe de falar com ele

Em entrevista à GloboNews, logo após receber a proposta de reforma administrativa do governo, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que vai passar a negociar com o ministro Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), já que não tem conversado com o ministro Paulo Guedes (Economia). Maia informou que Guedes inclusive proibiu o diálogo com os secretários da equipe econômica. A revelação foi feita depois de o parlamentar ter sido questionado sobre a ausência de Guedes na entrega do texto. “Eu não tenho conversado com o ministro Paulo Guedes. Ele tem proibido a equipe econômica de conversar comigo. A gente tinha um almoço com o Esteves (Colnago, assessor especial) e com o secretário do Tesouro (Bruno Funchal) para tratar do Plano Mansueto, e os secretários foram proibidos de ir à reunião”, respondeu Maia. “Então decidi que a relação da presidência da Câmara será com o ministro Ramos, e o ministro Ramos conversa com a equipe econômica, para não criar constrangimento mais para ninguém. Mas isso não vai atrapalhar os nossos trabalhos, de forma nenhuma”, acrescentou. Procurado, o Ministério da Economia não comentou o assunto.

Por que é importante

A falta de diálogo entre o Ministro da Economia e o presidente da Câmara pode afetar as discussões das reformas tributária e administrativa

Quem ganha

O ministro Luiz Eduardo Ramos, que ganha protagonismo nas conversas

Quem perde

Guedes, criticado por Maia pela falta de articulação

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.