PATROCINADORES

Ex-assessor confessa assassinato de Gerson Camata

Marcos Venício Moreira Andrade, de 66 anos, confessou ser o autor dos disparos que mataram o ex-governador do Espírito Santo Gerson Camata. A informação foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública do estado. Venício, que foi assessor de Camata por cerca de 20 anos, disse em depoimento que o político movia uma ação judicial contra ele, na qual a Justiça já havia determinado o bloqueio de R$ 60 mil de sua conta bancária.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 12 =

Pergunte para a

Mônica.