PATROCINADORES

Condenado na Lava Jato, ex-vice-presidente da Câmara é solto

O ex-deputado federal André Vargas, que era filiado ao PT, ganhou liberdade condicional na sexta-feira (19). Vargas, que já teve três condenações no âmbito da Operação Lava Jato, estava preso desde abril de 2015. Ele foi solto após ter cumprido mais de um terço da pena imposta na primeira condenação, apresentar comportamento satisfatório na prisão e comprovação do início do pagamento parcelado da reparação de danos de R$ 1.103.950,12.

Por que é importante

André Vargas foi vice-presidente da Câmara entre 2013 e 2015. Além disso, ele foi o primeiro político sentenciado na Lava Jato

Quem ganha

Vargas, que vai poder cumprir o resto da pena em casa

Quem perde

As empresas, entre elas a Caixa, prejudicadas nos esquemas de corrupção

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.