Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Governo pode liberar mais parcelas do auxílio emergencial

Governo pode liberar mais parcelas do auxílio emergencial

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta quarta-feira (3) que tem discutido com o ministro da Economia, Paulo Guedes, o pagamento de pelo menos mais duas parcelas do auxílio emergencial para trabalhadores informais, autônomos e sem renda fixa. Segundo Bolsonaro, a principal dúvida é em relação ao valor, que poderia ser inferior ao do benefício atual. “Temos mais uma parcela de R$ 600, depois mais duas acertadas com o Paulo Guedes. Falta definir aí o montante”, informou a apoiadores. “E vamos esperar que até lá os outros governadores entendam o que seja melhor pro seu estado e adotem medidas pra voltar aí o povo a trabalhar”, acrescentou, cobrando mais uma vez a retomada das atividades no país.

Por que é importante
O auxílio emergencial foi aprovado para amenizar os impactos econômicos e sociais da pandemia do novo coronavírus
Quem ganha
Os beneficiários, se as novas parcelas forem autorizadas
Quem perde
Os governadores, pressionados para flexibilizarem as medidas de isolamento