PATROCINADORES

Bolsa sobe e dólar cai com sinalização sobre Previdência

Depois da queda de 2,24% na segunda-feira (29), a bolsa teve pregão positivo e subiu 3,69% nesta terça-feira (30), aos 86.885 pontos – próximo à máxima de 86.990 pontos. A alta foi puxada pelas declarações de Jair Bolsonaro (PSL) a favor da reforma da Previdência ainda em 2018. Também pesou a favor a confirmação de que ele irá enxugar o número de ministérios de 21 para 15. O dólar caiu 0,75%, sendo negociado a R$ 3,689. As cinco ações mais negociadas do dia fecharam em alta: preferenciais da Petrobras (5,98%), Itaú Unibanco (2,93%), Vale (1,45%), Banco do Brasil (2,94%) e Bradesco (3,89%).

Por que é importante

A expectativa do mercado é que o governo Bolsonaro consiga agilizar a reforma da Previdência ainda neste ano, para ser votada logo no início do seu governo, em 2019

Quem ganha

As ações da Telefônica Brasil tiveram a maior alta do dia, 14,36%, cotadas a R$ 43,09

Quem perde

As ações da Suzano Papel tiveram a maior baixa, -3,53%, sendo cotadas a R$ 36,58

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 2 =

Pergunte para a

Mônica.