Document
PATROCINADORES
PATROCINADORES

Apple exigirá que funcionários tomem dose de reforço

Apple vai exigir que os funcionários da empresa tomem a dose de reforço da vacina contra a covid-19. A informação foi obtida pelo portal The Verge, que conseguiu acesso a um e-mail interno da gigante da tecnologia.

A partir do dia 15 de fevereiro, quando um funcionário estiver qualificado para receber uma dose de reforço, ele terá quatro semanas para cumprir. Caso contrário, o empregado precisará fazer testes frequentes para entrar em uma loja de varejo, loja parceira ou escritório da Apple. Além disso, a empresa exigirá que funcionários não vacinados – ou aqueles que ainda não enviaram comprovante de vacinação – forneçam testes rápidos de antígeno negativos antes de entrar no local de trabalho a partir do dia 24 de janeiro.

“Devido à diminuição da eficácia da série primária de vacinas contra a covid-19 e ao surgimento de variantes altamente transmissíveis, como a ômicron, uma dose de reforço agora faz parte de manter-se atualizado com sua vacinação para proteger contra sintomas graves”, diz o e-mail.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.