PATROCINADORES

2ª Turma vai julgar novo pedido de liberdade de Lula

O ministro Edson Fachin, do STF, decidiu enviar para a Segunda Turma da Corte o mais recente pedido de liberdade feito pela defesa do ex-presidente Lula. Os advogados querem que o juiz federal Sérgio Moro seja declarado suspenso para julgar o petista após o magistrado ter aceitado o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro para ser ministro. Além de Fachin, compõem o colegiado Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Cármen Lúcia e Celso de Mello.

Por que é importante

A defesa de Lula busca no STF a anulação de todo os atos tomados por Moro, incluindo a condenação no caso do tríplex do Guarujá

Quem ganha

Lula, que pode ser solto se o pedido for deferido

Quem perde

A Lava Jato, se a solicitação da defesa do petista prosperar

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + sete =

Pergunte para a

Mônica.