PATROCINADORES

Com ok de credores, Grupo Cultura coloca à venda Estante Virtual

A Assembleia Geral de Credores da Livraria Cultura aprovou nesta quinta-feira (19) uma proposta de ajustes ao Plano de Recuperação Judicial. A empresa tem dívida de R$ 285 milhões.

A proposta inclui a venda da Estante Virtual, avaliada em R$ 44 milhões e seus créditos tributários de R$31.734.771,81. Homologada na sexta-feira (13), o pedido foi realizado pela defesa do Grupo Cultura, a Felsberg Advogados.

O processo de recuperação judicial da Livraria Cultura foi homologado em abril pelo juiz Marcelo Barbosa Sacramone, da 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo. A maior parte da dívida é com bancos e fornecedores.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 10 =

Pergunte para a

Mônica.