Document
PATROCINADORES

Cabify deixará de operar no Brasil

O Cabify, o aplicativo de mobilidade urbana que é concorrente do Uber, anunciou ontem que fechará sua operação no Brasil. A marca, que havia adquirido a Easy Taxi em 2017, resolveu deixar o país em função da crise econômica provocada pela pandemia de Covid-19.

Explica-se o fracasso da Cabify no mercado brasileiro também pelos preços praticados acima da concorrência, o que afugentava a clientela. Apesar de fechar suas portas no Brasil, a empresa ainda vai funcionar em outros países da América do Sul, como Argentina, Chile, Colômbia e Peru

Por que é importante

Cerca de 80 % das receitas da empresa vinham da América Latina; o fechamento da operação brasileira deve reduzir significativamente o faturamento anual da companhia

Quem ganha

Uber e 99, que terão um competidor a menos

Quem perde

Os investidores da Cabify, como o grupo japonês Rakuten

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.