Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Reforma da Previdência recebe 276 emendas na comissão especial

Reforma da Previdência recebe 276 emendas na comissão especial

Terminou na quinta-feira (30) o prazo para apresentação de emendas ao texto da reforma da Previdência que tramita na comissão especial da Câmara que discute o tema. No total, os deputado protocolaram 276 propostas de mudanças no projeto original, encaminhado pelo governo. As sugestões serão avaliadas pelo relator da reforma no colegiado, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), que pode acatá-las ou não, além de fazer adaptações. Ontem, Moreira disse que pode apresentar seu parecer já no final da próxima semana, para que o texto seja discutido e votado na comissão e no plenário ainda no primeiro semestre.

Por que é importante
Para fazer emendas, cada parlamentar precisava reunir pelo menos 171 assinaturas. Se não passar na comissão especial, qualquer emenda ainda pode será analisada na votação do plenário
Quem ganha
A autonomia dos deputados. Eles podem apresentar sugestões amplas ou modificações em pontos específicos
Quem perde
Emendas que podem desfigurar a proposta original do governo e comprometer a projeção de economia de mais de R$ 1 trilhão em dez anos