Pesquisar
PATROCINADORES
PATROCINADORES

Economia britânica desacelera

A economia do Reino Unido cresceu mais lentamente do que projetado no período de julho a setembro, antes que a variante ômicron representasse uma nova ameaça à recuperação no final de 2021, mostraram dados oficiais nesta quarta-feira (22). O produto interno bruto (PIB) da quinta maior economia do mundo aumentou 1,1% no terceiro trimestre, mais fraco que a estimativa preliminar de crescimento de 1,3%. O crescimento foi menor do que os 5,4% de alta que o país havia registrado no segundo trimestre, quando muitas das restrições foram suspensas, disse o Escritório de Estatísticas Nacionais (ONS, na sigla em inglês).

Investidores estão preparados para uma desaceleração no crescimento no quarto tri de 2021 devido a um aumento nas infecções causados ​​pela ômicron, que prejudicou o setor de hotelaria e lazer do país e atingiu os varejistas. O nível do PIB ficou 1,5% abaixo do nível do final de 2019, revisado para cima em relação à estimativa anterior de 2,1% abaixo do nível pré-pandêmico. O investimento empresarial caiu 2,5% no terceiro trimestre em relação aos três meses anteriores e ficou quase 12% abaixo do nível pré-pandemia.

O Banco da Inglaterra espera um renascimento do investimento empresarial para ajudar a melhorar as perspectivas de crescimento do país no longo prazo. O déficit da balança de pagamentos do Reino Unido aumentou para £ 24,4 bilhões, à medida que as exportações de bens caíram, as importações de bens cresceram e as empresas estrangeiras receberam mais receita de seus investimentos no Reino Unido. Economistas esperavam um déficit menor, de £ 15,6 bi.

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.

[monica]
Pesquisar

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.