PATROCINADORES

País deve mostrar a investidores “que garante segurança jurídica”, diz Maia

Em entrevista ao programa Poder em Foco, do SBT, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que o aumento real do salário mínimo só será possível quando houver uma “reforma do Estado”. Na avaliação de Maia, o governo deve dar sequência à agenda de reformas para reduzir os gastos públicos e atrair investimentos privados, gerando empregos para a população.

“Não adianta aumentar a dívida pública para criar emprego, temos que mostrar aos investidores que somos um país que garante segurança jurídica”, afirmou.

Por que é importante

Maia mostra um alinhamento com as ideias do ministro Paulo Guedes (Economia) de que o Estado deve ser mais leve e eficiente

Quem ganha

A agenda reformista para reduzir o tamanho do Estado

Quem perde

Projetos populistas e intervencionistas

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.