Document
PATROCINADORES

IGP-DI sobe 1,45% em julho e acumula 10% em 12 meses

O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI)  subiu 1,45% em julho, percentual superior ao apurado no mês anterior, quando variara 0,11%. Com este resultado, o índice acumula alta de 15,91% no ano e de 33,35% em 12 meses. Em julho de 2020, o índice havia subido 2,34% e acumulava elevação de 10,37% em 12 meses.

“Os preços de commodities, cujas safras foram afetadas por geadas e seca, estão entre as maiores influências do índice ao produtor. Os preços do milho avançaram 4,62% e da soja 2,84%. Com o aumento dos preços das commodities usadas como ração, aves 5,41% e leite 6,52%, também apareceram com destacada influência para o resultado do IPA”, afirma André Braz, coordenador dos Índices de Preços da FGV.

O IGP-DI mede a variação de preços em geral na economia, e é composto por uma média ponderada dos seguintes índices: Índice de Preços ao Produtor Amplo, antigo Índice de Preços por Atacado (IPA, que variou 1,65% em julho), com peso de 60%; Índice de Preços ao Consumidor (IPC, que subiu 0,92% em julho), medido no Rio de Janeiro e em São Paulo, com participação de 30%; e Índice Nacional de Custo da Construção (INCC, em 0,85% em julho), com peso de 10%. O conceito de DI refere-se à variação de preços que afetam atividades econômicas relativas à produção nacional e às importações.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.