Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Governo Doria anuncia medida para ajudar companhias aéreas

Governo Doria anuncia medida para ajudar companhias aéreas

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta terça-feira (5) a redução do Imposto de Circulação de Bens e Mercadorias (ICMS) que incide sobre o querosene de aeronaves abastecidas em aeroportos do estado. A alíquota cairá de 25% para 12%. Como contrapartida, as companhias aéreas prometem colocar mais 74 rotas saindo de aeroportos paulistas para 21 estados, totalizando 490 partidas semanais. Doria afirmou que a iniciativa deve impactar diretamente no turismo. “São Paulo é o maior polo de turismo da América Latina e responsável por 30% do turismo do Brasil. A medida de hoje deve incrementar o setor e aumentar a chegada de turistas”, disse o governador. A medida anunciada hoje representa uma redução de R$ 200 milhões de arrecadação aos cofres públicos. O secretário da Fazenda do estado, Henrique Meirelles, argumentou, no entanto, que a queda será compensada com a geração de empregos prevista. “Esperamos 59 mil novos empregos em São Paulo em 12 meses em todo o conjunto de atividades e maior número de atividades comerciais em função da maior disponibilidade de voos”, completou Meirelles.

Por que é importante
O preço do combustível representa em torno de 32% do custo operacional total das companhias aéreas
Quem ganha
As empresas, que pagarão menos imposto, e o incentivo ao turismo no estado
Quem perde
Estados que cobram alíquotas mais caras e que podem perder rotas internacionais para São Paulo