Document
PATROCINADORES

Corrupção é o principal motivo para expulsão de servidores

Dados da Controladoria-Geral da União (CGU) mostram que o governo federal expulsou 643 servidores por irregularidades em 2018. O número é o maior desde que o levantamento começou a ser realizado, em 2003. Do total, 516 funcionários foram demitidos, 89 tiveram a aposentadoria cassada e 38 foram retirados de cargos em comissão. Conforme a CGU, 423 sanções (65,8% do total) foram motivadas por casos de corrupção, como uso do cargo para obter vantagem pessoal, recebimento de propina e atos que geraram prejuízo ao patrimônio nacional. Em outras 161 situações (25%), servidores ocupavam cargos contra o previsto em lei, abandonaram os cargos ou tiveram problemas com o cumprimento de horários. O restante das penalidades estiveram relacionadas a irregularidades como negligência e à participação em administração de entidades privadas, o que é proibido.

Por que é importante

A corrupção no serviço público tira investimentos de áreas críticas e essenciais, como segurança, saúde e educação

Quem ganha

O combate aos desonestos que atuam em ministérios e outros órgãos do governo federal

Quem perde

A população em geral, que paga impostos e conta com serviços precários

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.