PATROCINADORES

FGV: Consumidores apostam na melhora da situação financeira

A Fundação Getulio Vargas divulgou nesta quinta-feira (22) que o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) avançou 1,1 ponto em agosto, para 89,2 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. Esse é o maior valor desde abril (89,5 pontos). Segundo Viviane Seda Bittencourt, coordenadora da sondagem, os consumidores apostam em uma melhora da situação financeira das famílias nos próximos meses, apesar de o ímpeto para consumir seguir tímido por conta da cautela.

“Isso está relacionado com a sustentabilidade da recuperação do orçamento familiar e do nível de endividamento das famílias, já que os consumidores mais otimistas são os que possuem menor poder aquisitivo e, possivelmente, sobre os quais haverá um maior impacto da liberação dos recursos do FGTS nos próximos meses”, destacou.

Por que é importante

O índice elaborado pela FGV mostra a percepção dos consumidores em relação aos rumos da economia. O resultado acima de 100 pontos indica maior otimismo

Quem ganha

A avaliação sobre a situação atual, que melhorou em agosto

Quem perde

A perspectiva sobre o mercado de trabalho, que piorou no mês

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.