Document
PATROCINADORES

Confiança empresarial fica estável em agosto, mostra FGV

A Fundação Getulio Vargas divulgou nesta sexta-feira (30) que o Índice de Confiança Empresarial (ICE) caiu 0,1 ponto em agosto, para 93,9 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. O resultado acima de 100 pontos indica maior otimismo. Segundo Aloisio Campelo Jr., superintendente de estatísticas públicas da FGV IBRE, após avançar no mês anterior, a confiança empresarial ficou estável em agosto com movimentos em sentidos opostos de seus dois componentes. “O Índice de Situação Atual continuou avançando e sinaliza sustentação da economia em terreno positivo neste terceiro trimestre. Já as expectativas recuaram, mostrando que as empresas ainda manifestam dúvidas quanto à continuidade, nos próximos meses, da fase de aceleração do nível de atividade econômica iniciada no segundo trimestre”, afirmou.

Por que é importante

O índice é construído com base em entrevistas com empresários de quatro setores: indústria, serviços, comércio e construção

Quem ganha

Os setores da indústria, do comércio e da construção, que apresentaram resultados positivos em julho

Quem perde

Apenas a confiança do setor de serviços recuou no mês

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.