Document
PATROCINADORES

Confiança da indústria mantém tendência de queda em abril, sinaliza FGV

A prévia do Índice de Confiança da Indústria (ICI), divulgada nesta quinta-feira (22) pela Fundação Getulio Vargas, sinalizou uma retração de 1,1 ponto em abril em relação ao número final de março, para 103,1 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. Se o resultado se confirmar, será a quarta queda consecutiva do indicador, retornando ao menor patamar desde agosto de 2020 (98,7 pontos). A baixa no desempenho seria influenciada pela piora da situação corrente, com as perspectivas sobre os rumos dos negócios nos próximo meses permanecendo no mesmo patamar. O Índice de Situação Atual cairia 2,3 pontos, para 109,1 pontos. Já o Índice de Expectativas seria mantido em 97,1 pontos. O dado preliminar do Nível de Utilização da Capacidade Instalada da Indústria (NUCI) indicou um redução de 2,7 pontos percentuais (p.p.), para 75,6% – menor nível desde agosto de 2020 (75,3%).

Por que é importante

Mesmo com as quatro quedas consecutivas, a confiança da indústria ainda se manteria em um patamar otimista

Quem ganha

O desejo de uma vacinação acelerada, para uma retomada consistente das atividades

Quem perde

A manutenção do cenário de conflitos políticos, que atrasam o processo de recuperação da economia

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.