Document
PATROCINADORES

Atualização patrimonial no IR pode render R$ 300 bi ao Tesouro

A proposta de Jair Bolsonaro de permitir a atualização de patrimônio na declaração do Imposto de Renda pode render R$ 300 bilhões aos caixas públicos, segundo estimativas do governo. Segundo o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), a ideia é cobrar uma alíquota de 3% a 4% na atualização dos valores dos bens. As informações são do Valor Econômico.

Hoje, os contribuintes devem declarar o valor de compra do imóvel – e não podem atualizar o preço pelo valor de mercado. Como o valor fica defasado ao longo do tempo, na venda do imóvel o ganho de capital é alto (também por conta da inflação) e o contribuinte tem que pagar 15% de IR.

Por que é importante

Para retomar o crescimento, o governo precisa conter o déficit fiscal crescente. Daí a importância de reformas como a da Previdência e de medidas como a anunciada pelo presidente

Quem ganha

O Tesouro Nacional

Quem perde

A austeridade fiscal. Os recursos dessa medida não são recorrentes. Para o governo conter de forma efetiva o déficit, será preciso cortar despesas – e, com uma carga tributária já elevadíssima, aumento de impostos é inviável

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.