Document
PATROCINADORES

Alta de investimentos privados reforça confiança na economia

Nenhum indicador é tão eficiente para medir a confiança dos empresários quanto os investimentos que suas companhias realizam. Nesse aspecto, os desembolsos anunciados no mês de novembro revelam que, ao contrário do que dizem os pessimistas, a retomada é para valer. Basta dar uma espiada na enxurrada de recursos que companhias de diversos setores planejam fazer para confirmar essa impressão. No final da semana passada, o grupo francês Carrefour informou que irá investir R$ 2 bilhões por ano no Brasil até 2024. Alguns dias antes, a também francesa Total Eren anunciou R$ 750 milhões para a instalação de um parque eólico em Areia Branca (RN). No início de novembro, a japonesa Oji Holdings disse que colocará R$ 500 milhões em uma fábrica de papéis em Piracicaba (SP). Em Minas Gerais, o Grupo Montesanto Tavares divulgou investimentos de R$ 55 milhões no Estado. 

Por que é importante

O movimento é explicado pelo otimismo crescente com o país. É graças a ele que as empresas abrem os seus cofres

Quem ganha

Toda a economia, que precisa dos investimentos privados para avançar

Quem perde

Os investimentos públicos, que estão perdendo relevância no PIB brasileiro

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Pergunte para a

Mônica.