Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Preço do minério de ferro tem máxima de 22 meses na China

Preço do minério de ferro tem máxima de 22 meses na China

Por Enrico Dela Cruz

MANILA, 1 Fev (Reuters) – Os preços das matérias-primas siderúrgicas na China subiram para máximas de vários meses nesta sexta-feira, impulsionados por questões relacionadas à interrupção da oferta, com o minério de ferro atingindo seu nível mais alto em 22 meses após um rali de sete dias.

O contrato de minério de ferro mais negociado na Bolsa de Mercadorias de Dalian subiu para 623 iuanes (92,46 dólares) a tonelada, alta de 6,6 por cento, fechando em 621,5 iuanes.

O minério de ferro registrou seu quinto ganho semanal consecutivo e subiu mais de 20 por cento este ano.

Há perspectiva de o mercado entrar em um déficit neste ano, na sequência de uma medida da Vale, maior produtora global, de parar operações em Minas Gerais para desmontar barragens, após o desastre de Brumadinho na semana passada.

“Enquanto a empresa está propondo aumentar a produção em outros lugares, estimamos uma perda total líquida de cerca de 13 milhões de toneladas em 2019”, disseram Daniel Hynes e Soni Kumari, estrategistas de commodities da ANZ, em nota.

“Isso acabará empurrando o mercado de minério de ferro de volta ao déficit neste ano”.

A Vale informou na véspera que obteve decisão favorável que garante o reestabelecimento das atividades no Terminal da Ilha Guaíba (TIG). O terminal teve suas atividades suspensas na manhã de quinta-feira, em função do auto de interdição da Prefeitura de Mangaratiba em razão de alegada não apresentação das licenças ambientais do terminal.

O TIG apresentou todas as licenças ambientais e a Prefeitura de Mangaratiba decidiu cancelar a ordem de interdição no terminal.

Dezenas de navios que transportam carvão e minério de ferro para a China estão parados fora dos portos esperando para descarregar, de acordo com os dados do setor.

Isso provavelmente aumentará as preocupações com a oferta. As autoridades estão demorando mais do que o normal para liberar as importações junto aos funcionários da alfândega, segundo operadores.

O contrato de carvão metalúrgico subiu até 4,2 por cento, para 1.290 iuanes, máxima de 17 meses, antes de encerrar a sessão em 1.288,5 iuanes.

tagreuters.com2019binary_LYNXNPEF1039A-VIEWIMAGE

Envie seu comentário