PATROCINADORES

Maia cobra empenho de empresários na discussão da reforma tributária

No evento CEO Conference Brasil 2020, realizado nesta terça-feira (18) pelo BTG Pactual, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que os empresários brasileiros devem contribuir para o avanço da reforma tributária.

“A sociedade pagou mais a conta que os empresários na discussão da reforma da Previdência. Agora a contribuição dos empresários tem que existir na tributária. Todos vão ganhar porque o Brasil vai crescer”, afirmou.

Ao citar críticas de setores empresariais, Maia defendeu o texto que tramita na Câmara (PEC 45), feito com base em estudo do economista Bernard Appy, e garantiu que a proposta irá corrigir distorções sem provocar aumento da carga tributária.

“As reformas estão sendo feitas para reduzir o custo do Estado e aumentar a eficiência. Precisamos simplificar o sistema e atacar a concentração de renda. Só vamos conseguir reduzir a carga quanto o Estado custar menos”, acrescentou.

O parlamentar cobrou do governo o envio da reforma administrativa, que trata da reestruturação do funcionalismo público. Ele indicou também que o Câmara deve votar na volta do Carnaval o projeto que da autonomia do Banco Central, que visa garantir mais transparência e estabilidade na condução da política econômica.

O deputado falou ainda sobre como os ataques realizados pela chamada ala ideológica do governo atrapalham as discussões no Parlamento. Maia enfatizou, no entanto, que mantém uma boa relação com o presidente Jair Bolsonaro.

“Ainda existe uma rede autoritária que só tem uma agenda de enfrentamento. Pessoas que ainda acham que continuar atacando o ex-presidente Lula vai resolver os problemas do país. Espalhar fake news não gera solução para os nossos problemas”, afirmou.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.