PATROCINADORES

Índio da Costa deixa a prisão

O desembargador João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), revogou a prisão preventiva do deputado federal Índio da Costa (PSD-RJ). Índio foi preso no dia 6 de setembro sob a acusação de envolvimento em um esquema de corrupção nos Correios. Índio disputou o governo do Rio de Janeiro no ano passado e foi candidato a vice-presidente na chapa de José Serra (PSDB), em 2010. Na Câmara, ele foi relator da Lei da Ficha Limpa, que impede políticos com condenação em segunda instância de disputar eleições.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 2 =

Pergunte para a

Mônica.